Emissor de MDF-e 3.00a

O emissor de MDF-e do sistema VHSYS já está atualizado de acordo com a versão 3.00a. Emita o Manifesto Eletrônico com mais agilidade e ganhe tempo para fazer suas entregas no prazo. Conte com suporte ilimitado e gratuito para gerar MDF-e, CT-e, NF-e, NFS-e e NFC-e.

    Assine JáNão pedimos cartão de crédito. Teste sem compromisso.

    Emissor de MDF-e simples, prático e seguro. Emita também CT-e e NF-e no mesmo sistema

    O que é MDF-e?

    A sigla MDF-e significa Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais, ou Manifesto de Frete Eletrônico, como também é chamado. Ele é um documento fiscal eletrônico, usado para registrar as operações de transporte interestaduais, que são feitas por transportadoras, que através do documento terão todos os CT-es agrupados. Ou para empresas que realizam o transporte de mercadorias com veículos próprios e, desta forma, emitem diversas notas fiscais que serão agrupadas no documento.

    Emissor de MDF-e do VHSYS

    Com o emissor de MDF-e do sistema VHSYS você tem muito mais facilidade para emitir o manifesto. Além da interface simples, prática e intuitiva, a ferramenta proporciona uma série de vantagens, como o armazenamento automático e digital de todos os documentos durante um período de cinco anos. O sistema na nuvem possibilita o preenchimento e a emissão do MDF-e de qualquer lugar e plataforma (computador, tablet ou celular). No VHSYS também é possível obter gratuitamente o Certificado Digital A1 para emissão de MDF-e.

    Vários destinos no mesmo MDF-e

    Um dos diferenciais do Emissor de MDF-e do VHSYS é que ao preencher o trajeto da carga, você pode informar mais de um município de carregamento e descarregamento. Por exemplo, em um transporte de carga partindo de Curitiba para o Rio de Janeiro, você pode informar paradas em São Paulo e Campinas para descarregar e carregar novamente. Todas essas informações são facilmente adicionadas no MDF-e te ajudando a economizar muito tempo tanto no preenchimento das informações quanto nas paradas de fiscalização.

    Conte com um emissor de MDF-e que facilita seu dia a dia a partir de R$59,90 por mês

    Contrate agora

    Sistema de Gestão Empresarial

    Como o emissor de MDF-e faz parte do sistema de gestão empresarial do VHSYS, você tem disponível todas as ferramentas necessárias para gerenciar o seu negócio. Além de emitir os principais tipos de notas fiscais, você pode controlar o financeiro, estoque e vendas tudo de maneira rápida e integrada.

    Certificado Digital Gratuito

    Assim como para emissão de Notas Fiscais Eletrônicas, para emitir um Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais você vai precisar de um Certificado Digital, que tem validade jurídica garantida pela assinatura digital do emissor do documento. O custo médio de um Certificado Digital A1 é de R$ 215,00, mas com VHSYS você pode obtê-lo gratuitamente, basta contratar o sistema em qualquer categoria de plano no período anual que você ganha o Certificado.

    Emita o Manifesto Eletrônico de forma prática e rápida e
    ganhe tempo para realizar suas entregas no prazo!

    Contrate agora

    Tire suas dúvidas:

    1. O que é MDF-e?

      A sigla MDF-e significa Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais , ou Manifesto de Frete Eletrônico, como também é conhecido. Ele é um documento fiscal eletrônico, usado para registrar as operações de transporte interestaduais, realizado por transportadoras que por meio do documento, terão todos os CT-es agrupados. Serve também para empresas que realizam o transporte de mercadorias com veículos próprios e, desta forma, emitem diversas notas fiscais que serão agrupadas no documento.

    2. Para que serve o MDF-e?

      O Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais tem o objetivo de agilizar o registro em lote de documentos fiscais (como o CT-e e NF-e) e identificar a unidade de carga utilizada, além de outras características do transporte.

    3. Quais são as vantagens do MDF-e?

      A principal vantagem que o Manifesto de Cargas leva em relação aos documentos que o precederam é que ele é um documento eletrônico. Isso facilita muito os processos de transporte de cargas e fretes, pois depois de emitir o MDF-e o condutor do veículo precisa carregar apenas o DAMDFE (Documento Auxiliar do Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais). O Manifesto Eletrônico ajuda o emissor que consegue gerar o MDF-e muito mais rápido e também não se preocupa com o armazenamento; reduz significativamente o tempo de fiscalização nas estradas; contribui para o fisco reduzir a sonegação de impostos e muito mais.

    4. Emissor de MDF-e do VHSYS

      Além de emitir MDF-e você conta com ferramentas fundamentais para a gestão do seu negócio. Funcionalidades voltadas para o controle financeiro, de controle de estoque, controle de vendas e emissor de documentos fiscais como NF-e e CT-e vão te ajudar a automatizar o seu negócio.

      Com nosso emissor de Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais você pode controlar o status de cada MDFe emitido, pode enviar por e-mail para o destinatário, adicionar mais municípios para o carregamento e descarregamento de cargas e muito mais. Solicite uma demonstração agora mesmo.

    5. Quais informações constam no MDF-e?

      No manifesto você terá que preencher as informações gerais como: tipo do transportador, data e hora da emissão, UF de carregamento e descarregamento (podendo incluir mais de um município). Também precisa preencher as informações do percurso; o número de CT-es e/ou NF-es que constam na carga; valor da carga e peso bruto total; informações do modal rodoviário; identificação do motorista e do veículo (incluindo o reboque se for necessário); se há vale pedágio (Quando há CIOT - Código Identificador da Operação de Transporte); informações do seguro e dados do pagamento se quiser lançar automaticamente no Contas a Receber.

    6. O que eu preciso ter para emitir MDF-e?

      Para emitir MDFe você precisa ser credenciado para emitir CT-e ou NF-e (apenas para carga própria) em todos os estados que serão os destinos finais da sua carga. Ter um sistema emissor e um Certificado Digital. O VHSYS é o sistema ideal para você realizar a emissão de MDFe, pois além de emitir o documento e ser um software completo para gestão do seu negócio, no VHSYS você pode ganhar o Certificado Digital Gratuito (basta contratar o sistema em qualquer categoria de plano no período anual).

    7. Cancelamento de um MDF-e

      Na sistemática atual de emissão existe uma regra quanto ao prazo que o emitente tem para cancelar um manifesto. A SEFAZ (Secretaria da Fazenda) exige que o cancelamento seja feito em até 24 horas antes de se iniciar o serviço de transporte. Esse pode ser um grande problema caso você dependa de um emissor gratuito como o da SEFAZ-SP, pois pode não haver tempo suficiente para obter a autorização junto ao emissor. Opte sempre por um sistema que tenha uma equipe de suporte rápida e prepara para atender casos como estes.

    8. Posso emitir MDF-e independente do meu regime tributário?

      Sim. A emissão da nota MDF-e é obrigatória para todas as empresas que prestam serviços de transporte, sejam eles rodoviários e/ou aquaviários, independente de seu regime tributário.

    9. Qual o modelo de certificado digital preciso ter para emitir MDF-e?

      A emissão da nota MDF-e é possível apenas para quem utiliza o Certificado Digital modelo A1.

    10. MDF-e 3.00a: Quais as principais mudanças?

      Seguro da carga
      Essa foi uma das principais mudanças do MDF-e 3.00a. Com essa versão, basta informar uma única vez.É necessário informar os dados do responsável pelo seguro da carga e também da averbação do seguro da carga, sendo essa informação obrigatória para quando o transporte não for de carga própria. Caso exista uma falha de comunicação entre seguradora e o transportador, será permitido que seja informado o número da averbação 99999. Procedimento previsto na nota técnica 2017/002.

      Tipo de transportador
      Com a versão 3.00a será possível informar no MDF-e o tipo do transportador responsável pelo transporte, podendo ser ETC – Empresa de Transporte de Cargas, TAC – Transportador Autônomo de Carga, CTC – Cooperativa de Transporte de Cargas.

      Informações para ANTT:
      Novas informações deverão ser concedidas para ANTT:

      • Número RNTRC do veículo que realizará o transporte.
      • CIOT (Código identificador de Operação de Transporte).
      • Dados das responsáveis pela geração do CIOT (Transportador ou Embarcador).
      • Vales pedágios e códigos de lacres.

    Precisa emitir MDF-e com mais agilidade? Conte com o sistema mais eficaz, conte com o VHSYS!

    Contrate agora
    ×

    Ligue para a gente. É Grátis!
    0800 007 0017

    ou

    Fale pelo Whatsapp
    41 99188 6054

    Horas
    Min.
    Seg.